Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Programa Materiais de Referência Certificados
Início do conteúdo da página

Programa Material de Referência Certificado

Publicado em Segunda, 15 de Agosto de 2016, 00h00

O Programa

Certificado de Acreditação

Escopo de Acreditação

O Centro de Tecnologia Mineral - CETEM, um dos institutos de pesquisa no âmbito do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, é acreditado, pela American Association for Laboratory Accreditation - A2LA, como produtor de materiais de referência certificados de minérios e minerais, em conformidade com a ISO Guide 34. Essa acreditação proporciona maior visibilidade e reconhecimento internacional da competência técnica do CETEM para a produção de materiais de referência certificados e operação de um sistema de gestão da qualidade.

O Programa Material de Referência Certificado (PMRC) foi criado para coordenar todos os aspectos técnicos e gerenciais da produção de materiais de referência certificados (MRCs) no CETEM. O PMRC possui um laboratório totalmente equipado para manipular grandes quantidades de material, evitando a contaminação entre as amostras e de fontes externas, além de uma equipe técnica qualificada que está empenhada em garantir a qualidade dos materiais de referência produzidos.

Atualmente, a maioria dos MRCs do CETEM são minérios de bauxita originários de várias regiões do Brasil. Há um esforço contínuo para o desenvolvimento de outros materiais de referência de matrizes naturais, impulsionado pelas necessidades de laboratórios analíticos associados à mineração, metalurgia e ao meio ambiente. O CETEM também desenvolve MRCs customizados a partir de matéria-prima fornecida pelo cliente, a fim de atender a uma necessidade específica ou aplicação especial.

Laboratório PMRC

MRCs do CETEM

Amostra MRC

Os materiais de referência certificados do CETEM são materiais suficientemente homogêneos e estáveis com respeito a uma ou mais propriedades especificadas, que foram caracterizados por uma rede de laboratórios qualificados, usando uma variedade de métodos com exatidão demonstrável. Eles são fornecidos com a Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico (FISPQ) e o Certificado de Análise que contém os valores das propriedades certificadas, incertezas associadas e uma declaração de rastreabilidade metrológica.

Os MRCs do CETEM são apropriados para o uso na calibração de sistemas de medição, na avaliação de métodos de medição, no controle de qualidade e na atribuição de valores a materiais com matrizes semelhantes, em laboratórios de análises minerais, metalúrgicas e ambientais. Para detalhes quanto à interpretação de resultados de medição em materiais de referência certificados do CETEM, acesse a publicação Guia de Aplicação 1.


Para maiores informações e/ou orçamento, entre em contato:

Dra. Maria Alice Goes
Coordernadora do Programa Material de Referência Certificado
Centro de Tecnologia Mineral - CETEM
T: +55 (21) 3865-7310
E-mail: agoes@cetem.gov.br

Bauxita

MRC Bauxita

Os MRCs de bauxita são amostras de minérios provenientes de várias regiões do Brasil. A matéria-prima foi seca em estufa, britada e pulverizada para passar na peneira de 0,150 mm e, posteriormente, homogeneizada. Uma unidade de MRC contém, pelo menos, 90 g de minério em pó embalado em frasco de vidro.






BXPA-1

Bauxita (Juruti, Pará)

Unidade: 120 g
Certificado original: Outubro, 2006
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3TiO2V2O5
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
49,0 ± 0,3 3,8 ± 0,2 52,8 ± 0,4 12,8 ± 0,1 1,42 ± 0,02 0,058 ± 0,005
 
ZnOPerda de massa
1000°C
    
% (m/m) % (m/m)        
0,004 ± 0,001 27,5 ± 0,4        

BXPA-2

Bauxita (Trombetas, Pará)

Unidade: 100 g
Certificado original: Abril, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
50,65 ± 0,43 4,15 ± 0,15 55,45 ± 0,38 9,25 ± 0,12 4,912 ± 0,082 1,354 ± 0,020
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3Perda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0734 ± 0,0081 0,0159 ± 0,0036 0,0353 ± 0,0020 0,0133 ± 0,0018 29,03 ± 0,40 29,12 ± 0,37

BXPA-3

Bauxita (Paragominas, Pará)

Unidade: 105 g
Certificado original: Julho, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
49,76 ± 0,31 3,42 ± 0,25 53,73 ± 0,37 11,63 ± 0,14 4,187 ± 0,095 1,924 ± 0,030
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3MnO2Perda de massa
1000°C
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,207 ± 0,016 0,0423 ± 0,0038 0,0293 ± 0,0011 0,0155 ± 0,0019 0,0454 ± 0,0019 28,19 ± 0,27
 
Perda de massa
1000°C
     
% (m/m)          
28,28 ± 0,28          

BXPA-4

Bauxita (Miltônia, Pará)

Unidade: 110 g
Certificado original: Julho, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
52,73 ± 0,35 3,73 ± 0,27 57,26 ± 0,37 6,95 ± 0,11 4,651 ± 0,079 1,306 ± 0,026
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3MnO2Perda de massa
1000°C
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,162 ± 0,012 0,0267 ± 0,0036 0,0180 ± 0,0023 0,0074 ± 0,0015 0,0374 ± 0,0022 29,72 ± 0,26
 
Perda de massa
1075°C
     
% (m/m)          
29,79 ± 0,25          

BXSP-1

Bauxita (Bela Vista, São Paulo)

Unidade: 100 g
Certificado original: Marco, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
40,00 ± 0,31 7,84 ± 0,26 50,05 ± 0,40 6,71 ± 0,13 14,70 ± 0,20 1,242 ± 0,024
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3MnO2ZnO
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,1531 ± 0,0076 0,2026 ± 0,0052 0,0158 ± 0,0024 0,0030 ± 0,0007 0,0699 ± 0,0044 0,0090 ± 0,0011
 
K2OPerda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
   
% (m/m) % (m/m) % (m/m)      
0,532 ± 0,022 26,14 ± 0,48 26,17 ± 0,51      

BXMG-1 Esgotado

Bauxita (Itamaratí, Minas Gerais)

Unidade: 120 g
Certificado original: Abril, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
44,07 ± 0,32 1,162 ± 0,067 50,07 ± 0,39 17,40 ± 0,23 3,100 ± 0,066 2,110 ± 0,039
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3MnO2ZnO
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0286 ± 0,0029 0,2283 ± 0,0059 0,0694 ± 0,0038 0,0501 ± 0,0037 0,0254 ± 0,0019 0,0055 ± 0,0012
 
Perda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
    
% (m/m) % (m/m)        
26,77 ± 0,48 26,78 ± 0,55        

BXMG-2

Bauxita (Miraí, Minas Gerais)

Unidade: 135 g
Certificado original: Maio, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
45,47 ± 0,37 1,879 ± 0,082 50,39 ± 0,39 13,74 ± 0,16 6,358 ± 0,086 1,640 ± 0,029
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3MnO2K2O
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0418 ± 0,0025 0,2089 ± 0,0039 0,0347 ± 0,0021 0,0277 ± 0,0051 0,0164 ± 0,0022 0,0132 ± 0,0025
 
Perda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
    
% (m/m) % (m/m)        
27,49 ± 0,43 27,64 ± 0,42        

BXMG-3

Bauxita (Monjolo, Minas Gerais)

Unidade: 120 g
Certificado original: Junho, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
33,20 ± 0,30 0,754 ± 0,062 37,86 ± 0,44 35,30 ± 0,35 2,291 ± 0,068 2,016 ± 0,043
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3MnO2K2O
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0502 ± 0,0069 0,1837 ± 0,0054 0,0513 ± 0,0030 0,0290 ± 0,0037 0,1019 ± 0,0070 0,0210 ± 0,0028
 
Perda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
    
% (m/m) % (m/m)        
22,01 ± 0,35 22,23 ± 0,43        

BXMG-4

Bauxita (Poços, Minas Gerais)

Unidade: 95 g
Certificado original: Julho, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
40,68 ± 0,46 5,89 ± 0,22 50,44 ± 0,50 9,88 ± 0,13 9,53 ± 0,14 1,778 ± 0,030
 
ZrO2P2O5V2O5MnO2ZnOK2O
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,241 ± 0,021 0,1440 ± 0,0036 0,0349 ± 0,0025 0,341 ± 0,014 0,0138 ± 0,0024 0,773 ± 0,029
 
Perda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
    
% (m/m) % (m/m)        
26,30 ± 0,60 26,44 ± 0,63        

BXMG-5

Bauxita (Monte Alegre, Minas Gerais)

Unidade: 110 g
Certificado original: Julho, 2010
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
39,70 ± 0,36 7,77 ± 0,29 50,53 ± 0,49 9,15 ± 0,15 10,69 ± 0,20 1,282 ± 0,034
 
ZrO2P2O5V2O5MnO2ZnOK2O
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,252 ± 0,019 0,1107 ± 0,0046 0,0295 ± 0,0030 0,343 ± 0,013 0,0121 ± 0,0014 0,544 ± 0,024
 
Perda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
    
% (m/m) % (m/m)        
26,66 ± 0,40 26,82 ± 0,38        

BXMG-6

Bauxita (Itamaratí, Minas Gerais)

Unidade: 100 g
Certificado original: Abril, 2014
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
41,83 ± 0,30 1,063 ± 0,058 46,82 ± 0,23 19,36 ± 0,11 4,412 ± 0,058 2,215 ± 0,017
 
ZrO2P2O5V2O5Cr2O3MnO2K2O
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0201 ± 0,0031 0,2288 ± 0,0026 0,0806 ± 0,0013 0,0295 ± 0,0013 0,1197 ± 0,0080 0,0181 ± 0,0026
 
SO3Carbono orgânico totalPerda de massa
405°C
Perda de massa
1000°C
  
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)    
0,193 ± 0,012 0,168 ± 0,041 23,74 ± 0,43 26,81 ± 0,12    

BXGO-1

Bauxita (Barro Alto, Goiás)

Unidade: 120 g
Certificado original: Dezembro, 2009
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
59,33 ± 0,53 0,516 ± 0,012 60,72 ± 0,36 4,645 ± 0,098 0,634 ± 0,046 0,461 ± 0,016
 
P2O5V2O5Cr2O3MnO2Perda de massa
1000°C
Perda de massa
1075°C
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0420 ± 0,0029 0,0170 ± 0,0022 0,0096 ± 0,0017 0,0054 ± 0,0009 33,26 ± 0,41 33,10 ± 0,45

BXGO-2

Bauxita (Barro Alto, Goiás)

Unidade: 90 g
Certificado original: Abril, 2014
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
57,218 ± 0,296 1,735 ± 0,054 60,338 ± 0,599 3,256 ± 0,041 2,131 ± 0,042 0,271 ± 0,014
 
ZrO2P2O5V2O5MnO2K2OSO3
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0174 ± 0,0024 0,0398 ± 0,0014 0,0110 ± 0,0010 0,0150 ± 0,0018 0,0244 ± 0,0031 0,310 ± 0,015
 
Carbono orgânico totalPerda de massa
405°C
Perda de massa
1000°C
   
% (m/m) % (m/m) % (m/m)      
0,215 ± 0,041 29,11 ± 0,44 33,54 ± 0,20      

BXBA-3

Bauxita (Baixão de Ipiúna, Bahia)

Unidade: 110 g
Certificado original: Abril, 2014
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
53,99 ± 0,33 1,075 ± 0,045 56,46 ± 0,36 8,406 ± 0,081 2,911 ± 0,041 0,964 ± 0,026
 
ZrO2P2O5V2O5MnO2SO3Perda de massa
405°C
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0176 ± 0,0031 0,1563 ± 0,0028 0,0166 ± 0,0030 0,0222 ± 0,0019 0,2282 ± 0,0088 27,20 ± 0,35
 
Perda de massa
1000°C
     
% (m/m)          
30,98 ± 0,13          

BXBA-4

Bauxita (Baixão de Ipiúna, Bahia)

Unidade: 100 g
Certificado original: Abril, 2014
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Alumina aproveitávelSílica reativaAl2O3Fe2O3SiO2TiO2
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
43,66 ± 0,34 4,53 ± 0,14 49,75 ± 0,28 12,785 ± 0,076 8,447 ± 0,083 1,549 ± 0,027
 
ZrO2P2O5V2O5MnO2SO3Carbono orgânico total
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m)
0,0283 ± 0,0025 0,1952 ± 0,0032 0,0227 ± 0,0028 0,0348 ± 0,0033 0,229 ± 0,012 0,276 ± 0,064
 
Perda de massa
405°C
Perda de massa
1000°C
     
% (m/m) % (m/m)        
23,35 ± 0,17 27,27 ± 0,21        

Minério e Concentrado de Sulfetos de Cobre

Minério e Concentrado de Sulfetos de Cobre

Os CBPA-1 e CBPA-2 são, respectivamente, amostras de minério de sulfetos de cobre e concentrado de flotação de sulfetos de cobre, provenientes da região de Sossego, localizada no Estado do Pará, Brasil. A matéria-prima foi seca ao ar, britada e pulverizada para passar na peneira de 0,075 mm e, posteriormente, homogeneizada. Uma unidade MRC contém, pelo menos, 135 g de material em pó embalado em atmosfera de nitrogênio em frasco de vidro e selado a vácuo em sachê de cromopel aluminizado.


CBPA-1

Minério de sulfetos de cobre (Sossego, Pará)

Unidade: 135 g
Certificado original: Dezembro, 2007
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

Al2O3CaOCoCrCuFe2O3
% (m/m) % (m/m) mg/kg mg/kg % (m/m) % (m/m)
10,10 ± 0,13 2,966 ± 0,068 78 ± 2,6 26 ± 2,6 0,978 ± 0,013 16,45 ± 0,15
 
K2OMgOMnNa2ONiP2O5
% (m/m) % (m/m) % (m/m) % (m/m) mg/kg % (m/m)
1,853 ± 0,050 3,288 ± 0,034 0,0578 ± 0,0016 1,423 ± 0,028 276 ± 10 1,000 ± 0,032
 
Zn     
mg/kg          
126 ± 5,4          

CBPA-2

Concentrado de flotação de sulfetos de cobre (Sossego, Pará)

Unidade: 160 g
Certificado original: Dezembro, 2007
Revisão: Setembro, 2016

Certificado FISPQ Histórico de Revisão do Certificado

Valores Certificados

AgAl2O3CaOCoCrCu
mg/kg % (m/m) % (m/m) mg/kg mg/kg % (m/m)
12 ± 1,1 1,571 ± 0,048 1,211 ± 0,068 444 ± 26 20 ± 3,6 27,93 ± 0,23
 
Fe2O3MgONa2OPbZn 
% (m/m) % (m/m) % (m/m) mg/kg mg/kg  
39,58 ± 0,79 0,793 ± 0,038 0,351 ± 0,016 112 ± 12 96 ± 9,2  

MRC Customizado

MRC Customizado

O CETEM está capacitado a desenvolver materiais de referência certificados customizados a partir de matéria-prima fornecida pelo cliente. Eles podem ser produzidos em parceria entre o CETEM e o cliente, considerando o tipo de matriz, o teor e a quantidade de material, diferentes tipos de embalagem e outras características relevantes para atender a uma necessidade de aplicação específica.

Para maiores informações e/ou orçamento, entre em contato:

Dra. Maria Alice Goes
Coordernadora do Programa Material de Referência Certificado
Centro de Tecnologia Mineral - CETEM
T: +55 (21) 3865-7310
E-mail: agoes@cetem.gov.br

Contato

Caso tenha alguma dúvida, queira solicitar um orçamento e/ou obter maiores informações, entre em contato:

Dra. Maria Alice Goes
Coordenadora do Programa Material de Referência Certificado
Centro de Tecnologia Mineral - CETEM
Av. Pedro Calmon, 900 - Ilha da Cidade Universitária
21941-908 - Rio de Janeiro –RJ
Brasil
T: +55 (21) 3865-7310
E-mail: agoes@cetem.gov.br

Fim do conteúdo da página